Departamento de Física e Ciência dos Materiais - FCM
voltar

O Departamento de Física e Ciência dos Materiais tem como vocação o desenvolvimento de pesquisas nas áreas de Ciência da Computação; Ensino; Física Atômica e Molecular; Física da Matéria Condensada; Física Matemática, Estatística e Termodinâmica; Fotônica; Informação e Computação Quântica; Óptica; Óptica e Informações Quânticas; Teoria de Partículas e Campos,  bem como a formação de recursos humanos em nível de graduação e pós-graduação  nessas mesmas áreas. É composto por 8 grupos de pesquisa, com 41 docentes, sendo 36 docentes efetivos, 5 aposentados, e 46 funcionários de nível técnico e superior, engajados em atividades de ensino, pesquisa e difusão. Os grupos de pesquisa participam ativamente do programa de graduação em Física, dos três cursos de bacharelado (Física, Física Computacional, Ciências Físicas e Biomoleculares) e de um de Licenciatura em Ciências Exatas, além de ministrarem várias disciplinas do ciclo básico em cursos sediados nas demais unidades do Campus. Também administram um elevado número de projetos de pesquisa financiados pela FAPESP, CNPq, CAPES, MCT, FINEP e outros. A intensa atividade de pesquisa tem assegurado ao FCM um alto índice de publicações com média superior a 4,8 artigos em revistas internacionais indexadas por ano, por docente, bem como a orientação de vários alunos de pós-graduação e supervisão de pós-doutores. O programa de pós-graduação destaca-se entre seus congêneres nacionais, tendo obtido continuamente nota 7 desde a primeira avaliação da CAPES.

Os grupos de pesquisa do FCM são:

Grupo de Computação Interdisciplinar - GCI;
Grupo Crescimento de Cristais e Materiais Cerâmicos - CCMC;
Grupo de Física Teórica - FT;
Grupo de Fotônica - FO;
Grupo de Métodos Matemáticos - GMM;
Grupo de Óptica - GO;
Grupo de Polímeros - PO;
Grupo de Semicondutores - SE.

Devido à sua liderança em diversos campos de pesquisa, o FCM abriga atualmente dois Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia (INCT): Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Óptica e Fotônica (INOF - Grupo de Óptica) e Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Eletrônica Orgânica (INEO - Grupo de Polímeros) e um CEPID / FAPESP: Centro de Pesquisa em Óptica e Fotônica (CePOF - Grupo de Óptica). Participa ainda de: dois CEPIDs: Centro de Desenvolvimento de Materiais Funcionais (CDMF - Grupo de Crescimento de Cristais / Universidade Federal de São Carlos) e Centro de Pesquisa, Educação e Inovação em Vidros (CEPIV - Grupo de Crescimento de Cristais / Universidade Federal de São Carlos); dois INCTs: Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia dos Materiais em Nanotecnologia (INCTMN - Grupo de Crescimento de Cristais / Universidade Federal de São Carlos) e Instituto Nacional de Fotônica (INFo - Grupo de Fotônica / Universidade Federal de Pernambuco) e três projetos temáticos,  além de vários outros projetos. Um fator de destaque do FCM é sua excelente infraestrutura, montada e aperfeiçoada ao longo dos últimos vinte e um anos. Dispõe de uma oficina de óptica de precisão que desenvolve uma série de tecnologias que são transferidas ao setor produtivo, gerando novas indústrias e empregos. Isto colaborou para que São Carlos se tornasse um polo de alta tecnologia na área de óptica, com cerca de 12 indústrias nesta área. Conta ainda com importantes laboratórios: a) LIEPO - Laboratório de Instrumentação Eletrônica para Óptica; b) LAT - Laboratório de Apoio Tecnológico, que são responsáveis por uma forte interação com o setor produtivo de alta tecnologia; c) dois LMEA – Laboratório de Microscopia Eletrônica e Análise, de responsabilidade dos grupos CCMC e PO. O treinamento técnico e formação de recursos humanos também têm sido importantes na implantação deste segmento. 

Além do ensino e pesquisa, o FCM mantém ainda uma intensa atividade de extensão. São divulgados junto aos meios de comunicação os resultados práticos alcançados nesta instituição, mostrando que tem um papel social relevante, tanto no desenvolvimento de novas tecnologias, como na resultante geração de empregos. Todo o conhecimento e ciência produzidos no âmbito acadêmico e científico são divulgados pela publicação de artigos em jornais, exposições, cursos para alunos do ensino médio, ciclo de palestras para o público em geral, etc.

Atividades Anuais:


Perfil desejável para candidatos ao título de livre docente no FCM/IFSC/USP


Membros do Conselho Departamental do FCM


Chefe Departamento FCM: Prof. Dr. Cleber Renato Mendonça
mandato: 14/07/2016 a 13/07/2018

Vice-chefe do FCM: Prof. Dr. Valmor Roberto Mastelaro 
mandato: 28/07/2016 a 13/07/2018